Você já ouviu falar da alimentação sustentável? Saiba o que é isso!

Você já ouviu falar da alimentação sustentável? Saiba o que é isso!

3 minutos de leitura

A alimentação sustentável tem como objetivo diminuir o impacto negativo do plantio, colheita, produção e distribuição dos alimentos no meio ambiente. Então, além de ser ótimo para cuidar da saúde, adotar um cardápio baseado na alimentação sustentável ajuda a preservar o planeta.

Um dos principais benefícios da alimentação sustentável é o aumento de nutrientes fornecidos ao corpo. Como esse tipo de dieta preza pelo consumo consciente, é fácil evitar a ingestão de fast foods e alimentos ricos em gorduras trans, típicos de processos industriais. Além disso, também é possível citar como benefícios o ganho de consciência a respeito daquilo que se come diariamente.

Quer saber mais? Confira neste post algumas ideias de como colocar a alimentação saudável no seu dia a dia!

Aproveite todas as partes do alimento

O desperdício é um problema global. Além das embalagens de alimentos industrializados que demoram anos para se decompor e são responsáveis pela poluição de rios, mares e nascentes, os restos de comida representam um desperdício que poderia ser evitado.

As folhas de cenoura, por exemplo, podem ser usadas para encorpar saladas e cascas de batata. Misturadas com limão e azeite rendem deliciosos snacks. Mas não é preciso se ater apenas à alimentação: as sobras também podem ser usadas como produtos de limpeza. Cascas de limão, por exemplo, ajudam a limpar copos e panelas quando misturadas com água quente.

Escolha alimentos naturais

Escolher alimentos naturais é a base da alimentação sustentável, então procure diminuir ao máximo a quantidade de alimentos processados e artificiais. Uma boa maneira de ter um cardápio natural o ano inteiro é escolher os alimentos da safra. Durante esse período, os alimentos não precisam de químicos para serem conservados e são bem mais saborosos. Isso também se reflete no preço do produto, deixando-o mais barato.

Priorize produtores locais

Optar por produtores locais não apenas valoriza e incentiva a produção em pequena escala, mas também reduz o impacto ambiental gerado pelo deslocamento, distribuição e armazenamento. Priorizar os pequenos agricultores gera empregos na região e faz com que você consiga entender melhor de onde veio o alimento que está no seu prato.

Diminua o consumo de proteína animal

O consumo desenfreado de carne é um dos principais responsáveis por denegrir o meio ambiente. Além da própria matança animal em escala global, a criação de bovinos é considerada maléfica por ampliar o efeito estufa, além de representar um consumo de água irreversível. Optar pelo vegetarianismo ou veganismo é uma forma de diminuir esse impacto no ambiente.

O veganismo vem ganhando espaço na dieta das pessoas. Reduzir ou excluir o consumo de alimentos e de outros produtos de origem animal (leite, ovos, mel, vestuário feito de couro etc.) também pode representar um ganho em sustentabilidade. A criação industrial de carne animal é combatida de forma cada vez mais enfática e os hábitos diários podem ajudar a tornar isso ainda mais eficiente.

Optar pela alimentação sustentável é uma forma de cuidar do próprio corpo, garantindo mais saúde e qualidade de vida, além de ajudar a preservar o planeta. Em longo prazo você poderá sentir os benefícios se transformando em bem-estar e vai contribuir para um mundo melhor.

A alimentação sustentável já faz parte da sua vida? Comente aqui quais desses hábitos você já adota ou gostaria de incrementar à sua rotina!

Incensos naturais e
artesanais desde 1990

Acesse nossa loja online para conhecer
nossos produtos naturais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

One Response

Compartilhe este post com mais pessoas!

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no pinterest
Pinterest