fbpx

Astrologia védica: entenda como ela se relaciona com a astrologia ocidental

3 minutos de leitura

Cada dia mais, as pessoas estão em busca de conhecerem melhor a si mesmas e de aproveitarem todas as possibilidades que se apresentam em suas vidas. Uma das formas de fazer isso é por meio da astrologia. É muito comum associá-la ao horóscopo, mas ela pode ser mais profunda do que imaginamos. Você sabe, por exemplo, o que é astrologia védica?

Neste artigo, vamos apresentar a você esse conhecimento milenar, mostrar qual a relação dele com a astrologia ocidental, que é a mais popular, e como ela pode ajudar na sua busca pessoal. Confira!

O que é astrologia védica?

Esse conhecimento milenar tem origem na Índia e é anterior à astrologia que normalmente conhecemos, chamada de ocidental. Passado por gerações ao longo dos anos, ele está presente nas escrituras do Rig Veda (o trecho mais antigo dos Vedas), o qual existe desde, pelo menos, 1700 anos antes de Cristo.

A palavra astrologia, do sânscrito Jyotisha, significa “estudo da luz”, e envolve o conhecimento sobre:

  • os planetas (Grahas);
  • as constelações (Nakshatras);
  • os 12 signos (Rashis);
  • as 12 casas (Bhavas).

Também está compreendida na astrologia védica a radiação que eles emitem, assim como os efeitos que têm sobre nós — inclusive sobre o nosso Mapa Natal, que é conhecido como Jataka.

Na astrologia védica, ainda ocorre um detalhamento de diferentes aspectos da vida de forma mais específica, como educação, família, riqueza, entre outros. Assim, ela ajuda a ter uma visão mais holística de cada pessoa e sobre cada área da sua vida.

Qual a relação entre a astrologia védica e a ocidental?

A principal diferença entre a astrologia védica e a ocidental é que a primeira faz a leitura do céu a partir do zodíaco sideral, ou seja, fixo. É definido, assim, o ponto de começo do mapa. Seus 12 signos são derivados, portanto, das constelações e do movimento do sol por meio delas.

Outra diferença é que os planetas Urano, Netuno e Plutão não são considerados na astrologia védica, pois os sábios que a criaram diziam que, se não pudessem ser vistos a olho nu, não teriam influência em nossas vidas.

Quais são os signos do horóscopo indiano?

Listamos abaixo os 12 signos que compõem o zodíaco védico. Descubra qual é o seu!

  • Mesha: de 14 de abril a 14 de maio;
  • Vrishabha: de 15 de maio a 13 de junho;
  • Mithuna: de 14 de junho a 15 de julho;
  • Karkataka: de 16 de julho a 15 de agosto;
  • Shimha: de 16 de agosto a 15 de setembro;
  • Kanya: de 16 de setembro a 17 de outubro;
  • Thula: de 18 de outubro a 14 de novembro;
  • Vrishkha: de 15 de novembro a 14 de dezembro;
  • Dhanus: de 15 de dezembro a 14 de janeiro;
  • Makara: de 15 de janeiro a 12 de fevereiro;
  • Khumbha: de 13 de fevereiro a 12 de março;
  • Meena: de 13 de março a 13 de abril.

Como a astrologia védica pode ajudar em seu autoconhecimento?

Os astrólogos costumam dizer que não há uma forma certa ou errada de usar seus conhecimentos em nossas vidas. Tanto a astrologia védica quanto a ocidental dão direcionamentos para que possamos fazer uma autoanálise e melhorar nossas atitudes em relação ao que a vida nos apresenta. Orientam sobre como podemos nos comportar da melhor maneira.

Assim, é importante ter em mente que nada na vida é definitivo, pois o livre arbítrio nos foi dado para seguirmos nossos próprios passos. Mas o autoconhecimento proporcionado pela astrologia nos ajuda a avaliar as nossas habilidades e a nossa missão, para conseguirmos encontrar o equilíbrio e passar pelos obstáculos que se apresentam rumo à evolução.

Como vimos, a astrologia védica é mais uma forma de nos conhecermos com profundidade e, assim, a nossa própria existência. Vale a pena fazer uma pesquisa para descobrir mais sobre o seu signo védico, não é mesmo?

Gostou de saber o que é astrologia védica? Quer descobrir outro modo de se conectar com o seu Eu interior? Então conheça os melhores incensos e saiba como escolher o seu!

Incensos naturais e
artesanais desde 1990

Acesse nossa loja online para conhecer
nossos produtos naturais

Deixe um comentário

Compartilhe este post com mais pessoas!

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on pinterest
Pinterest