Vamos ouvir a intuição?

Vamos ouvir a intuição?

4 minutos de leitura

Já pensou se você pudesse acordar cedo e intuir tudo aquilo que você vai precisar para aquele dia? 

De modo geral, pulamos cedo da cama, já com muito impulso porque temos receio de nos atrasar, seja para o trabalho, para uma consulta ou para preparar as crianças para aquele dia. 

E aí, nesse esforço de simplesmente acordar e pular da cama, nos desconectamos de um momento importante, que é o ouvir a voz interior.

Ao amanhecer ou ir dormir, nosso corpo está menos agitado e é quando conseguimos ouvir nossos desejos mais profundos e identificar o melhor caminho para realizá-los.

Intuição x impulso

E esse impulso não é só na hora de acordar, não. 

Estamos ficando tão acostumados a respondermos as pessoas imediatamente que nos esquecemos de que o impulso é a ausência da intuição.

Em algum momento, podemos nos sentir desafiados com uma situação. E, nessas horas, usamos o impulso como combustão para resolver problemas. Claro que o impulso é importante para que a gente não estagne na vida. 

Por outro lado, ele nos tira do campo da observação, fazendo com que a gente simplesmente reaja, sem dar chance para a intuição, que pode escolher uma forma melhor de lidar com aquela situação.

Mas, o que é intuição?

Quando falamos em ouvir a voz interior, raramente ela aparece como uma voz que sopra no nosso ouvido. Ela geralmente se apresenta como uma sensação ou insight. Percebemos mais facilmente isso quando algo ruim acontece e, instantes antes, nosso corpo reage, como se levássemos um choque ou susto. 

Ou, ainda, em situações opostas a essa. Por exemplo, quando você vai visitar um amigo e, de repente, começa a sentir um quentinho no coração. É a sua intuição dizendo: “esse cara é legal”.

Mas, nossa intuição pode, ainda, nos livrar de situações desastrosas. Quem nunca ouviu um caso de alguém que ia pegar um ônibus, mas desistiu da viagem e houve um acidente com o veículo, na sequência?

A intuição é nosso guia interior. Aquela voz que, mesmo os mais céticos, sabem que existe. 

Mente ou coração?

mulher meditando, ouvindo o coração

Alguns vão chamá-la de a voz da razão e tudo bem. Isso acontece porque a nossa intuição pode surgir na mente, como uma forma de nos ajudar a resolver um problema. 

Pense num conflito que você teve essa semana. Quanto tempo você gastou pensando nele?

A mente vai ficar puxando um pensamento atrás do outro. E se depois de fazer isso, você chega a uma solução que é bacana para você e para os demais, então, você usou a sua intuição a partir da mente, certo?

Mas, se por algum motivo, essa intuição não te leva a lugar algum ou se transforma num pensamento drástico, competitivo, irritante, então isso não é a intuição, mas um pensamento ou um padrão de como você resolve seus conflitos.

Agora pense novamente nesse problema. Feche os olhos, respire fundo e imagine que você irá colocar esse conflito no seu coração. Como você resolveria essa questão de uma perspectiva do sentimento?

Se esperarmos um pouco, vamos perceber que começamos a ter sensações físicas. Talvez nos sentimos pior ou melhor conforme aquilo que vamos compreendendo dessa questão. 

As pistas que nosso coração dá, são: se sentimos algo ruim, não é o melhor caminho para resolver essa questão. Mas, se sentimos algo bom, então, essa pode ser uma saída viável para aquilo que precisa resolver. 

O que eu ganho ouvindo minha intuição?

Tomamos decisões o dia todo. Quanto mais alinhados estamos com nossa intuição, mais conscientes estaremos de nossos atos. 

Ser uma pessoa intuitiva é conseguir trazer consciência para as suas escolhas. E quem não deseja ter escolhas mais assertivas na vida, não é?

Convidamos você a ouvir a sua intuição. Seja na mente, no coração, ela pode te ajudar a encontrar caminhos melhores para você.

Aquietando a mente

mulher meditando, mulher meditando com incenso

Existe uma piada que circula na internet que fala assim: intuição, venha logo que não tenho o dia inteiro! Quem nunca fez isso?

Uma das maneiras de ouvir a intuição é aquietar a mente. Esse movimento é importante até mesmo para que possamos entender os nossos sentimentos.

Então, sugerimos que quando você precisar ouvir a intuição, respire fundo, tente se acalmar. Um incenso pode te ajudar a serenar.

Ou ainda, tome um banho, se achar necessário. A água é um canal condutor de energia. 

Feito isso, pronto. Se entregue para a sua intuição.

Depois, conta pra gente, nos comentários, o que você faz para ouvir a sua intuição.

Incensos naturais e
artesanais desde 1990

Acesse nossa loja online para conhecer
nossos produtos naturais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este post com mais pessoas!

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no pinterest
Pinterest