Alecrim, o tônico da vida

Alecrim, o tônico da vida

3 minutos de leitura

Paris, 1860.

Subir as escadarias de pedra de Montmartre para comprar óleos essenciais ou ervas, era uma cena comum na Paris de 1860. A cidade ainda respirava as mudanças trazidas pela Revolução Francesa e suas consequências, não apenas políticas, como econômicas e sociais.

Montmartre era considerado o bairro mais interessante de Paris. Na verdade, era um centro cultural que ainda não fazia parte da cidade, como um distrito. Lá viviam pintores, músicos, escritores, boêmios. Um prenúncio da Belle Epoque. 

Era considerado, também, um grande centro religioso com mesquitas e igrejas dos mais diversos povos e centros espiritualistas. E, naquele “distrito” também imperava a cultura ancestral francesa, de utilizar os óleos essenciais como uma forma de medicina.

Se você fosse um parisiense dessa época, iria encontrar uma série de lojinhas como boticários espalhados por Montmartre. Eram as farmácias da época. E o de Alecrim era um dos óleos essenciais mais comuns usados pelos franceses.

Uma breve história dos aromas

Na Idade Média, não era raro as pessoas incensarem suas casas com Alecrim queimado para tirar um pouco o cheiro ruim do ar. Lembrando que as questões de higiene eram muito precárias nessa época.

Tanto que a palavra perfume deriva da expressão “per fumum” em latim, que, ao pé da letra significa “por meio da fumaça”. 

Mas, esse hábito teria iniciado muito antes da Idade Média. Estudos dizem que há milênios queimar ervas ou usar óleos essenciais para incensar locais era uma forma de trazer equilíbrio para o corpo ou até de curar doenças. Nos livros da Ayuerveda, por exemplo, que datam de 2000 a.C, já mostravam como usar produtos naturais como forma de medicina.    

Os primeiros estudos sobre a aromaterapia, no entanto, datam do século XIII, quando o alquimista Arnold Villanova de Bachuone começou seus estudos com algumas ervas. Foi quando, então, o Alecrim (Rosmarinus officinalis) entrou para os livros de história.

Rosmarinus officinalis, a erva versátil

O Alecrim é uma erva com tantas possibilidades de uso que na Aromaterapia é indicada para tratar diversos tipos de doenças, mas principalmente para aumentar a vitalidade e trazer disposição. O óleo essencial dessa planta, usado para fazer nosso Home Spray e incenso, é rico em: 

  • 1,8-Cineol 
  • Cânfora
  • Limoneno
  • α-pineno
  • β-pineno
  • p-cimeno
  • β-Cariofileno

Entre as indicações de uso do óleo essencial estão, principalmente, os casos de cansaço mental e fraqueza, pois estimula a memória e concentração, funcionando como um revigorante. Mas, também é recomendado para os sofrimentos físicos como artrite, dores nas juntas ou dores em geral, promovendo, também, mais disposição física.

Ao ser borrifado no ar, o Home Spray de Alecrim ajuda a trazer aquela sensação de rejuvenescimento, de mais disposição, ânimo e até de alegria. Além de deixar um delicioso aroma fresco herbal no ambiente.

Por isso que, quando os parienses precisam de um tônico em 1860, procuravam o óleo essencial da planta. Mesmo que, para isso, tivessem que subir as escadarias de Montmartre.

Você já experimentou os efeitos do Alecrim na sua casa ou escritório? 

Incensos naturais e
artesanais desde 1990

Acesse nossa loja online para conhecer
nossos produtos naturais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este post com mais pessoas!

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no pinterest
Pinterest